Mercado financeiro vê preocupação com origem de recursos para compor Auxílio Brasil

O presidente Jair Bolsonaro confirmou nesta quarta-feira, 20, que o valor do Auxílio Brasil, programa que substituirá o Bolsa Família, será de R$ 400. Apesar da afirmação, o governo ainda não sabe de onde virão os recursos para compor o pagamento do novo benefício.

A economista-chefe da Veedha Investimentos, Camila Abdelmalack disse que o governo deve ficar atento ao teto de gastos, pois notícias como estas, que expõem a possibilidade de burlar essa regra, acabam depreciando o mercado.

“O Auxílio Brasil virou colcha de retalhos. Não se discute a importância social do benefício, mas como está sendo estruturado. Para se chegar ao valor do benefício, o mercado entende que não há justificativa para criação de um crédito extraordinário”, destaca Camila.

 

FONTE: CANAL RURAL

Total
0
Shares
Previous Article

Auxílio Brasil: ministro diz que governo usará R$ 30 bi fora to teto

Next Article

edição deste ano terá formato adaptado; veja os detalhes do evento

Related Posts